sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Maquiagem Lolita

"Mas lolitas quase não usam maquiagem!"
Bem, lolitas usam um bocado de maquiagem, só que em muitos estilos o objetivo é que a maquiagem não apareça. Ela pode servir tanto para auxiliar no ar infantil e saudável de uma sweet lolita quando para realçar os traços e cores do rosto de uma classical lolita, para acrescentar um ar de mistério e classe a uma gothic lolita.



---


A maquiagem dos principais estilos e subestilos:



Classical Lolita/Roriita: A lolita 'clássica' possui um ar um pouco mais maduro que o das outras lolitas, com batons geralmente mate e de tons mais profundos. A maquiagem dos olhos é quase inexistente, composta de rímel e as vezes sombras em tons terrosos ou neutros. Elegância e feminilidade são os objetivos.


Kurololi: Maquiagem mínima, composta do básico para a pele, rímel, blush e batom cor de boca e um pouco de lápis de olho - no máximo. Kurololi NÃO é a mesma coisa que gothic lolita embora elas também usem muito preto (daí o nome :P). Elas também tendem a puxar mais para o 'infantil', como as amaloli e seus subestilos.


Sweet Lolita/Amaloli: O estilo clean é dominante, e sombras em tons pastéis [branco, marfim, azul, rosa, amarelo, pêssego, verde clarinho e lilás] por vezes dão o ar da graça. Batons clarinhos também podem ser usados, mas no geral, a maquiagem é "invisível", ou quase - o blush nem sempre é muito natural.


Shirololi: O mesmo tipo de maquiagem que em Sweet Lolita, mas os tons usados costumam ser marfim, branco e tons de pele.


Countryloli: Quase sem maquiagem aparente, como se saída do banho - mas na verdade costuma ter, além do básico para a pele, rímel e batom clarinho, além de blush.


Himeloli: Provavelmente o único subestilo lolita que se safa com maquiagem cintilante. A himeloli tem como objetivo parecer uma princesa, e normalmente abusa de tons claros como branco, rosa e lilás nos olhos e gloss clarinho na boca. Unhas postiças trabalhadas são constantes, assim como cílios postiços discretos. Um mínimo de lápis de olho na parte interna da pálpebra inferior não é considerado um crime.


Punkloli: A maquiagem é geralmente simples - muitos exemplos que aparecem da G&LB tem apenas [além da maquiagem básica da pele] rímel e lápis de olho, e talvez um batom claro. Tons comuns são arroxeados e amarronzados, além de tons mais 'escuros' que dão efeito desbotado. Cílios postiços na pálpebra inferior não são incomuns. Olhos um pouco mais carregados são aceitáveis, mas com cuidado para não tirar o ar lolita que tem que predominar.


Erololi: A maquiagem é mais intensa. Os olhos são marcados - embora não olhos de panda, de jeito nenhum - e os batons costumam ter tons 'sensuais' de vermelho ou vinho, às vezes com gloss. Os cílios são muito curvados e o blush pode ser usado para dar um leve rubor ao rosto.


Gothic Lolita: A maquiagem é forte, mas talvez não tanto quanto com uma lolita influenciado pelo Mana. Cílios postiços são comuns, assim preto e maquiagem um ou dois tons mais clara que a pele. Cores, tanto nos olhos quanto nos lábios, no entanto, são raríssimas.


Elegant Gothic Lolita: As lolitas que se dizem Elegant Gothic Lolitas e vestem as roupas da Moi-même-Moitié (ou influenciadas por elas) que levam esse nome usam maquiagem mais forte, mais marcada. O côncavo dos olhos é muitas vezes marcado. Os olhos levam tons neutros, os lábios são mate e pintados com muito cuidado e esmero, muitas vezes em tons escuros como vermelho, vinho, e até mesmo preto. A pele usualmente é pálida, os cílios são enfatizados e as sobrancelhas costumam ser finas, escuras e arqueadas.


Aristocrat/Madam: A maquiagem é mais madura que em qualquer dos estilos lolita, já que pode representar uma versão adulta da lolita (ou não, já que os estilos nem sempre estão relacionados. Para fins deste artigo, no entanto, trataremos aristocrat e lolita como parte da mesma moda). As sombras são mais escuras, mas mais elegantes, os lábios ganham gloss às vezes, mas a regra válida em geral é a de que não deve haver exagero, só que com ar mais 'adulto'.


Dandy: Pouca maquiagem visível. Algumas vezes dandies usam um pouco de lápis de olho esfumaçado,e empalidecem os lábios. Um dandy, no contexto da moda contemporânea iniciada no Japão, é um homem de classe e elegância, e um tanto quanto excêntrico - e portanto, talvez um pouco menos presos à regras.


Ouji: O jovem 'princípe' também não (parece) usar quase nada de maquiagem, embora haja excessões.

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Gothic & Lolita Bible

É uma revista publicada de maneira irregular e que teve um papel fundamental em promover e definir o estilo. O nome Gothic & Lolita Bible se refere ao fato da revista publicar coisas sobre tanto o gótico quando o Lolita como um todo, e NÃO por ela se dedicar somente ao Gothic Lolita.
A revista de mais de 100 páginas inclui dicas de moda e maquiagem, fotos, moldes para costura, catálogos, receitas, entrevistas com astros do Visual Kei e do estilo lolita ou gótico no Japão (ou até mesmo fora dele), histórias em estilo mangá, poesia e idéias de decoração. A G&LB, como o nome da revista é abreviado, não deve ser vista como um livro de regras de como ser lolita, mas como uma revista de referências e dicas.
Um dos ícones da cultura Gothic Lolita, o escritor Novala Takemoto, escreve para a G&LB e lá dissemina suas idéias através de poemas e colunas.

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

SUBCATEGORIAS LOLI

Dentro do estilo existem muitas subcategorias.

Classical Lolita - o estilo clássico, que remete à moda vitoriana e rococó original. As cores utilizadas são tons de bege, vinho, verde-escuro, marfim.

Sweet Lolita - o estilo dito "fofo", que usa cores como tons em rosa, verde claro, azul bebê, amarelo claro, pêssego. As estampas, quando utilizadas, são de coisas pequenas e consideradas "bonitinhas", como frutas, flores e até animais.

Country Lolita - uma subdivisão do sweet lolita, baseada em xadrez, quadriculado e estampas florais mais coloridas, além de frutas. O acessório mais comum é o minichapéu de palha.

ShiroLolita - considerada por alguns subdivisão do sweet lolita e por outros um tipo de gothic lolita, as shirololitas são lolitas que se vestem apenas de branco.

KuroLolita - também considerada subdivisão do sweet lolita por algumas pessoas, outros a vêem simplesmente como qualquer lolita vestida somente de preto.

Punk Lolita - a mistura da moda punk com a moda lolita. São bastante utilizadas sobreposições, xadrez, listras, e estampas. Os acessórios mais comuns incluem caveiras, coroas, minicartolas e boinas.

Guro Lolita - as guro lolitas (termo japonês que corresponde à grotesque lolita) são lolitas que usam bandagens, sangue falso e afins, o que pode dar um ar de boneca quebrada à lolita "comum".

Gothic Lolita - a mistura do "gótico" com a moda lolita. As cores utilizadas são preto, azul escuro e até mesmo vermelho. Devemos ressaltar que as gothic lolitas não tem conexão nenhuma com a tribo gótica e nem com Goth Rock.

Erololi (Ero - erótico; Loli - abreviação de lolita) - mistura o sexy antiquado, sem exageros, com o lolita. Muitas vezes utiliza corsets e outros elementos típicos de roupas íntimas vitorianas, como bloomers (a típica calçola da vovó), petticoats (saias de tule, filó ou tecido) e calcinhas grandes com babados. As saias costumam ser mais curtas do que o normal, que no caso é no joelho ou abaixo dele. Utiliza-se também cinta-liga com meia 7/8, coroas e até armações de metal no lugar da saia.

Wa Lolita (ou Waloli) O estilo é baseado na combição entre acessórios japoneses e a moda Lolita. O nome se refere ao Japão pela antiga palavra "che" (和 ou 倭), que significa a "Mesma Nação","Terra de (Wa)", que é terra da harmonia.

Qi Lolita A variante Qi Lolita (pronunciada "ci-loli") é um dos poucos estilos comuns da moda Lolita. É similar à Wa lolita, desde que encorpora acessórios tradicionais. E é em fato a combinação de elementos tradicionais chineses e o estilo Lolita.

Hime Lolita Estilo que mais remete à imagem de princesas européias. Apesar de muito parecido com o Sweet Lolita, em especial pelas cores, diferencia-se pelos modelos de vestido, acessórios (coroas, tiaras, pérolas) e até mesmo pelo penteado.

Deco Lolita Uma mistura do estilo Decora com o Lolita. Usa-se muitos acessórios variados e coloridos como prendedores de cabelo, muitas pulseiras preferencialmente de bolinhas, estampas coloridas, sobreposições, meias. A idéia do estilo é ser tudo muito colorido. Existe uma preferencia pela cor rosa,mas não existe nenhuma regra sobre a cor

LOLITA (MODA)


A Moda Lolita (ou Loli) é um estilo japonês de moda cujas primeiras manifestações apareceram em fins da década de 70 e começo da década de 80. Inspiradas em parte na cultura 'kawaii' (fofa ou adorável) japonesa e na nostalgia de outros tempos - sejam períodos históricos ou simplesmente da própria infância - as lolitas se dividem em vários tipos, sendo alguns polêmicos e de existência controversa.
O estilo como um todo pode ser muitas vezes descrito como "inocente" mas existem exceções dependendo do subestilo e da lolita em questão. Há também certa preocupação com parecer infantil, elegante ou modesta, evitando uma imagem adulta, sexualizada (dependendo do estilo da lolita) ou vulgar. Saias rodadas no comprimento do joelho, em forma de sino, renda de boa qualidade, decote alto, cabelos cacheados e/ou acompanhados a uma franja reta e tecidos pouco brilhantes são comuns a todos os estilos.

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Pensamentos loucos, mas q tem sentido...

por base em coisas lógicas, chegamos ao conhecimento de que nao exista um deus supremo, talvez algo mágico nas pessoas que a igreja esconda, mas estamos pesquisando(eu i alguns amigos) .xD

quem sabe um livro nao saia disso ?? Estamos nas razuras ^^..

por conclusões próprias e bem lógicas, chegamos ao tema amor, será q eli eziste?
pelos meus acontecimentus em vida (como se houvese algo em morte), amor é apenas uma palavra similar a ação de acostumar com as pessoas ao seu redor..

acostumamos com suas manias, seus supostos 'defeitos', temos afeto por elas..

por mais que sentimos falta dessas pessoas, logo encontramos outras e mais outras..

*As vezes as pessoas não são FRIAS.. (como eu sou vista), apenas acostumadaa com sertos acontecimentos que poucos tem em sua vida, no qual confundem com o que chamao de 'amor'..

*Trate as pessoas como gostaria de ser tratado, mas se trata todas a esse modo, é chamado por nomes improprios.. ¬¬' (fria e incalculista, falsa..)

Decidaum uq querem.. antes que perca seus melhores momentos e saúde, pelo menos aproveitem..

Logu terei mais idéias a postar ..
Obrigada por pelo menus ler.. ahushuah
bjinhos. ;P

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Ateus..

O que ser um ateu..
todos dizem que eh aquele que nao acredita em Deus..

Para muitos eh alguem descrente da vida, ou aquele que assume que o deus cristao (ou seja qual for ) exista mas nao seja de seu feitioo fazer presses..

a primeira coisa que perguntao a quem diz ser ATEU eh ...

*entao de onde viemos...
muitos dizem que viemos do barro, da agua, do sopro de um ser mais poderoso que nos ..

outros que c baseao em coisas sólidas, dizem que somos formados por micro particulas de células vivas que estao em constante movimento..

oque acontece na realidade. ..Oque somos... De onde viemoss..

um dia poderemos responder sem se basear em religioes. ... =
seraaah ...

e quem tem suas respostas , de varias culturas e religioes diferentes... sem acreditar ou dar nome a um SOBERANO...
EH ATEU ... /. OU NAO EH NADA...

O mundo eh um mistério que poucos querem enfrentar as respostas e descobertas..
Espero um dia poder responder um terco de tantas perguntas.

afinal .. como dizem .. oque move o mundo sao as PERGUNTAS nao as respostas...

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Transtorno Bipolar (Dupla Personalidade)

Eu estava meio sem tempo de postar algo e meio sem imaginação, ontem vi uma matéria na tv e achei preocupante e ao mesmo tempo intereçante...

O transtorno bipolar do humor, também conhecido como distúrbio bipolar, é uma doença caracterizada por episódios repetidos de mania e depressão. Uma pessoa com transtorno bipolar está sujeita a episódios de extrema alegria, euforia e humor excessivamente elevado (hipomania ou mania) e também a episódios de humor muito baixo e desespero (depressão). Entre os episódios, é comum que passe por períodos de normalidade.

Deve-se ter em conta que este distúrbio não consiste apenas de meros "altos e baixos". Altos e baixos são experimentados por praticamente qualquer pessoa e não constituem um distúrbio. As mudanças de humor do distúrbio bipolar são mais extremas que aquelas experimentadas pelas demais pessoas. Veja ciclotimia para uma versão moderada deste distúrbio.

O doente de distúrbio bipolar é também comumente chamado de "maníaco-depressivo" por leigos (e por alguns psiquiatras do século vinte), entretanto, este uso não é popular atualmente entre os psiquiatras, que padronizaram o uso de Kraepelin do termo depressão maníaca para descrever o espectro bipolar como um todo, que inclui tanto o distúrbio bipolar como a depressão; eles agora utilizam distúrbio bipolar para descrever a forma bipolar da depressão maníaca.

A natureza e duração dos episódios variam grandemente de uma pessoa para outra, tanto em intensidade quanto em duração. No caso grave, pode haver risco pessoal e material.

A doença pode se manifestar em crianças, porém talvez pela dificuldade em identificá-la, se manifesta em grande parte em adultos, por volta dos 15 a 25 anos.

domingo, 1 de novembro de 2009

Como fazer para evitar o câncer da pele ?

A exposição prolongada e repetida da pele ao sol causa o envelhecimento cutâneo além de predispor a pele ao surgimento do câncer. Tomando-se certos cuidados, os efeitos danosos do sol podem ser atenuados. Aprenda a seguir como proteger sua pele da radiação solar.

*use sempre um filtro solar com fator de proteção solar (FPS) igual ou superior a 15, aplicando-o generosamente pelo menos 20 minutos antes de se expor ao sol e sempre reaplicando-o após mergulhar ou transpiração excessiva.

*use chapéus e barracas grossas, que bloqueiem ao máximo a passagem do sol. Mesmo assim use o filtro solar pois parte da radiação ultra-violeta reflete-se na areia atingindo a sua pele.

*evite o sol no período entre 10 e 15 horas.

*a grande maioria dos cânceres de pele localizam-se na face, proteja-a sempre. Não esqueça de proteger os lábios e orelhas, locais comumente afetados pela doença.

*procure um dermatologista se existem manchas na sua pele que estão se modificando, formam "cascas" na superfície, sangram com facilidade, feridas que não cicatrizam ou lesões de crescimento progressivo.

*faça uma visita anual ao dermatologista para avaliação de sua pele e tratamento de eventuais lesões pré-malignas.

Estas recomendações são especialmente importantes para as pessoas de pele fototipos I e II, as quais devem evitar qualquer tipo de exposição ao sol sem proteção.